A fim de atender às necessidades de transporte da Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro está abraçando BRT. O primeiro projeto para a implementação é a T5 – a 28 km de longo corredor que vai da expansão, afluente, área à beira-mar da Barra da Tijuca por bairros da classe trabalhadora onde reina o samba, como o Madureira, a Penha, na zona norte de da cidade.

ITDP está ajudando a cidade garantir que o BRT melhora a vida de todos os usuários de transporte, incluindo pedestres e ciclistas, e trabalhou com as autoridades da cidade para criar este relatório de recomendação para a integração de tranporte não motorizado (NMT) para o BRT.

Recommendations for Integration of Non-Motorized Transportation on Corridor T5

In order to meet the transport needs of 2014 FIFA World Cup and the 2016 Olympics, Rio de Janeiro is embracing BRT. The first project for implementation is the T5 – a 28 km-long corridor that goes from the booming, affluent, seaside area of Barra da Tijuca through working-class neighborhoods where samba reigns, such as Madureira, to Penha, in the Northern area of the city.

ITDP is helping the city ensure that the BRT improves life for all transport users, including pedestrians and cyclists, and worked with city officials to create this recommendation report for the integration of non-motorized tranport (NMT) into the BRT. The report is published in Portuguese.

Subscribe

Sign up for updates on our projects, events and publications.

SIGN UP